segunda-feira, maio 29, 2006

Colecionador de Sonhos













Thomaz Ianelli : Nasceu em São Paulo, em 1932. Pintor, gravador e desenhista. Foi integrante do Grupo Guanabara, criado em 1958. Sua primeira exposição foi em 1960, na galeria da Folha.Participou da equipe de filmagem de Quarup, pintando diversas aquarelas. Morreu em 2001, vítima de embolia pulmonar. Irmão do artista plástico Arcângelo Ianelli e tio do artista plástico Rubens Ianelli. ( Fonte de Consulta: Folha de São Paulo(On line/2001), ) Morreu antes da realização de um filme do documentarista Carlos Cortez em homenagem aos seus cinqüenta anos .
¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨

Olá!
Peço desculpas aos amigos leitores e blogueiros, por não ter encontrado um tempo para uma dedicação maior nas visitas em que faço a suas páginas. Entro e nem tenho deixado comentários, tampouco, deixo todas as respostas aos visitantes no espaço destinado aos comentários. Na verdade, desde que Marilene ficou aposentada, que tive que redesenhar um novo tempo para uso da internet, ficando menos tempo na parte da tarde, fizemos uma divisão; eu pela manhã e ela preferencialmente pela tarde, mas nada que seja inserido aos rigores da lei. È uma combinação democrátcia. Estabelecemos que a noite é livre, e é para se fazer, o que der na telha...ler, assistir tv, conversar e fazer, se ninguém esquecer, outras coisas...
Aproveito para pregar no varal, mais um texto saído do fôrno.
*******************************************************
Sou um rico colecionador de sonhos
dos sonhos mais lindos
dos sonhos de criança sapeca
dos sonhos dourados
dos sonhos utópicos.
Dos sonhos embalados

amontoados
dos sonhos distantes.
Tristes.
Dos sonhos de principes
e princesas
dos sonhos de valsa.
Dos sonhos coloridos
dos sonhos realizados
em preto e branco
Sonhos costurados
remendados
embaralhados
conquistados.
De sonhos por um mundo melhor
de sonhos acordados.
Acreditados.
De sonhos escondidos
sumidos.

Relaxados.
Desfeitos.
Idealizados.
Coleciono sonhos
sonhados
Sonhos de palhaço.
Sonhos de amor
sem fim
Sonho sempre como

Sonha
um Poeta.

22 comentários:

Lia Noronha disse...

Wilton: adorei esse poema...fala muito do seu interior...simples e bem verdadeiro...sempre!
Beijos bem carinhosos e uma semana bem feliz!

Lia Noronha disse...

Beijinhos bem especiais no pequeno ramom..que foi visitar Drummond...e ficou assustado!rsrs

Tata disse...

Lindo!
Emoção à flor da pele... poesia escorrendo pelos dedos, caindo no papel e nos permitindo sonhar com vc!

Beijos n'alma e obrigada pela visita nos meus pensamentos! Volte sempre...

Wilton disse...

Olá!
Tata, agradeço pela visita e o simpático comentário.Um grande abraço.

Wilton disse...

Querida Lia, neste encontro de Ramom com o Poeta Drummond (escultura), dois grandes artistas; Drummond, como você percebeu na foto, ficou estático como uma estátua e o pequeno grande artista Ramom, ficou paralizado em meu ombro, meu neto ficou desconfiado, tinha um Drummond no meio de seu caminho. Beijos e obrigado pela visita.

Janaina Staciarini disse...

Lindos sonhos... lindos lindos lindos.

Jôka P. disse...

Fico feliz quando nos visita na Av.Copacabana.
Mas mais contente ainda em saber que estão todos bem, ocupados e felizes.
abçs!
Jôka p.

Laura disse...

sonhar é preciso, bj laura

Lia Noronha disse...

Beijos de boa noite meu querido amigo...saudades suas no MSN hj .

Márcia Lustosa disse...

Oi querido, estou em falta com você. Não estou tendo tempo suficiente para comentar em seu blog, mas, continuo lendo seus textos, me mantendo super atualizada. Estou muito atarefada com os preparativos para o casamento da minha filha. Apesar de ser em janeiro, temos que tomar algumas providências com muita antecedência e isto leva um bocadinho de tempo...rsrsrs
Bjãoooo querido, tenha um lindo final de semana ao lado de do seu príncipe Ramon e fique com Deus.

Vera Fróes disse...

Wilton, claro que gostaria de te receber mas seguido no meu blog. Mas sei que não é só uma questão de querer. Tbm tenho tido menos tempo para visitar os amigos, mas dentro do possível vou retribuindo. Obrigada pelo voto, sei que é de coração.

Bjos.

Silvio Vasconcellos disse...

Wilton, o poeta é o sonho personificado. A poesia, o sonho que virou matéria.

Amigo, o Antes que Anopiteça acabou. Espero que tenha gostado. Se quiseres, me visite em meus outros blogs. Será um prazer recebê-lo!

Tem poesia no Uni-verso.
Tem de tudo no Contos e Encontros.

Um abraço

Sílvio

Arlete disse...

Querido Wilton,

Endosso os comentário do seu amigo Silvio.

Adorei saber "Sonho sempre como
Sonha
um Poeta."

Só não sonha quem ainda não nasceu.

Um beijo.
Arlete

Lia Noronha disse...

Wilton: passei pra desejar uma semana bem tranquila pra vc e toda a sua maravilhosa família.
Beijos bem carinhosos.

Jonas Prochownik disse...

Wilton, gosto muito da pintura dos irmaos Ianelli. Belo trabalho o seu. Abrs. do Jonas.

Mércia disse...

Lindo poema, Wilton... "Sonho sempre como sonha um poeta"... Belo!
Bjos...linda tarde.

Rosa disse...

olá, boa tarde
Sonhos...
já tive muitos loucos sonhos, e hoje eles são os meus filhos, meu trabalho, meu namorado... enfim minha vida, os meus melhores momentos são os meus sonhos, as lembranças do passado também são meus sonhos, "Deus me deu tantas coisas boas,permitindo-me sentir "amor" verdadeiro pelos meus sonhos" bjus

Janaina Staciarini disse...

Sumido, Wilton...

Vera Fróes disse...

Parabéns para os eternos namorados Marilene e Wiltom. Felicidade sempre!!!

Boa semana.
Bjos.

Lia Noronha disse...

Wilton: passei pelo Quitanda pra desejar uma semana maravilhosa pra vc e sua família.
Beijos bem carinhosos pra ti.

Jonas Prochownik disse...

Wilton, tudo de bom pra vc. e Marilene. Vamos torçer e tenham uma otima semana. Abrs. do Jonas.

Lia Noronha disse...

Wilton: faltou vc no aniversário do meu Cotidiano...saudades e beijos carinhosos.